Investimentos da Índia no Brasil




A relação bilateral entre a Índia e o Brasil completa este ano 70 anos e vem se desenvolvendo em diversos âmbitos, principalmente no que diz respeito aos diplomático e comercial. Neste sentido, pode-se notar que o investimento de empresas indianas no Brasil vem aumentando constantemente, assim como as brasileiras têm, também, descoberto o caminho para a Índia.


A empresa indiana Sterlite comprometeu-se em investir aproximadamente R$ 7 bilhões em linhas de transmissão. Para tanto, a empresa arrematou 6 dos 20 lotes oferecidos em um leilão pela ANEEL (Agência Nacional de Energia Elétrica). A empresa ainda visa investir no brasil, nos próximos anos, parte dos R$ 15 bilhões destinados à América Latina.


“ Escolhemos o Brasil devido ao tamanho das oportunidades no país, à necessidade de capital privado e às sinergias que encontramos. É um mercado que oferece uma configuração ideal aos participantes e um potencial de US$ 30 bilhões em projetos que nos deixa realmente animados” – disse o Sr. Pratik Agarwal, Presidente Global da Sterlite.

A ACG Worldwide, outra empresa indiana presente no Brasil, inaugurará uma planta avaliada em RS$ 350 milhões em Minas Gerais para a produção de capsulsa de medicamentos. A Randabaxy também está no Brasil produzindo genéricos.


Já a Novelis, empresa pertencente ao Grupo Indiana Aditya Birla, está no país há mais tempo e alcançou, no ano passado, uma receitade US$ 6 bilhões trabalhando com laminados.


A Infosys e a Tata Consultancy trabalham no ramo da tecnologia da informação. O Grupo Tata, por sua vez, comprou a Jaguar Land Rover e abriu, em 2016, uma fábrica em Itatiaia (RJ).


Tendo em vista o amplo crescimento econômico indiano e as prospecções feitas pelo FMI, as empresas brasileiras têm se deslocado para a Índia também. A Perto Índia foi fundada pelo brasileiro Robero Baur e oferece caixas eletrônicos para mais de 20 bancos, já possuindo escritórios em quatro cidades indianas.


A SalaryFits, uma fintech da Zetra Soft, é uma empresa que oferece, de maneira inovadora, crédito consignado por meio de uma plataforma criada há 17 anos, que é utilizada por grandes bancos internacionais e multinacionais brasileiras. Devido à ampla população indiana, a empresa prospecta a existência de 400 milhões de clientes para o serviço.


Em geral, são US$ 50 bilhões de investimento estrangeiro direto da Índia no Brasil, o que supera, de longe, os US$ 2 bilhões dos brasileiros para o país asiático.


O Sr. Leonardo Ananda (Presidente da Câmara de Comércio Índia Brasil e Consul Geral A.H da Índia no rio de Janeiro) diz que a relação entre os dois países pode melhorar de maneira positiva principalmente para o Brasil. Ele ainda prospecta a possibilidade da Índia se tornar o 3° parceiro comercial do Brasil até 2025, sendo o 10° hoje. Além disso, o Consul falou do desafio de diversificar a pauta das negociações entre os dois países, acrescentando, assim, novos produtos, como o açaí, o guaraná, o pão de queijo e a cachaça.


Para mais informações e acesso à reportagem na íntegra, clique no link: http://infoglobo.pressreader.com/o-globo/20180709 (Página 15 | Seção "Economia")

Entre em Contato
Belo Horizonte
+55 31 3055-3836 | +55 31 8481-3694
Bernardo Guimarães, 245, 5° andar Funcionários - Belo Horizonte / MG
Rio de Janeiro
+55 21 97405-0285
Praça Pio X, 15, 4º andar - Centro
Rio de Janeiro / RJ
São Paulo
Avenida das Nações Unidas, 12.901
- 25º Andar - Centro Empresarial
Nações Unidas - Torre Oeste - Brooklin - São Paulo / SP
Copyright © 2018 by Câmara de Comércio Índia Brasil.